Caro Senador,

Ainda no ano de 1998, o PT ultrapassou o PMDB na preferência partidária dos eleitores, segundo mostra série histórica do Instituto Datafolha.

 

De 1998 a 2007, o PMDB ficou em segundo lugar na identificação dos eleitores. De 2007 a 2014, o PMDB, em declínio paulatino, empatou tecnicamente com o PSDB nas preferências. A partir de 2013, o PT cai precipitadamente na preferência dos eleitores, enquanto o PSDB sobe ligeiramente e tende a assumir a liderança, ainda que no modesto patamar em torno de 9 a 10%.

Quatro aspectos pedem atenção nesse gráfico. O primeiro é a forte queda na preferência dos eleitores pelo PT, a partir de 2013. O segundo é a resiliência ou lento declínio do PMDB, mesmo sem ter tido candidato à presidência da República. O terceiro aspecto é a lenta ascensão do PSDB ao segundo lugar na preferencia do eleito, mesmo com FHC no poder de 1995 a 2002 e tendo tido candidato à presidência em todas as eleições até 2014. O quarto aspecto diz respeito o PFL ou Dem, que disputou vantajosamente com o PSDB o terceiro lugar na preferência do eleito até 2005, entrando em declínio posteriormente. Um quinto e último aspecto é a baixa estima dos partidos políticos no cenário político nacional, com a soma dos percentuais dos três principais partidos não chegando a apenas 26% do eleitorado.

Abr.,

João.