Situação Internacional

 

João da Silveira

 

Captura de Tela 2019-01-07 às 12.26.07

 

Seg. 7

BOLSONARO PRESIDENTE FEZ ESTRAGO NA REFORMA DA PREVIDÊNCIA : PAULO GUEDES VAI CONSERTAR… O Estado “desarmou o cidadão” e não “desarmou o bandido” e agora Santos Cruz favorece a posse de armas ao “cidadão”. Confuso, não? Bandido também é cidadão… Editorial de O Globo sobre a hecatombe de Fernando Pimentel em Minas Gerais… A equipe de Paulo Guedes no Ministério da Economia….

 

A SÍRIA RESSURGE : ONU TROCA SEU ENVIADO : Geir Pedersen assume no lugar de Staffan de Mistura : Mistura era visivelmente favorável a mudança do regime na Síria : Pedersen vai engolir o governo de Bashar al-Assad, com o qual os países árabes também se recompõem….

 

CHINA & VIETNÃ : Quarenta anos da queda do Kmer Rouge, regime apoiado então pela China, por intervenção armada do Vietnã, o Camboja está hoje mais sob a órbita de Beijing do que de Hanoi….

 

CHINA : 5G E 6G : Antes mesmo que as redes de telecomunicação 5G entrem em operação, engenheiros e empresas chineses já miram redes 6G….

 

CHINA & RÚSSIA & ESTADOS UNIDOS : BAIDOU & GLONAS & GPS : A corrida pela supremacia na navegação por satélite….

 

O MURO DE TRUMP : TARDE DEMAIS E NO LUGAR ERRADO….

 

GRILOS CUBANOS? : CULPA DA RÚSSIA….

 

DOUTRINA MONROE : Argumento antiquado de Ted Galen Carpenter….

 

TRUMP E OS GENERAIS : Andrew J. Bacevich….

 

Ter. 8

BOLSONARO PRESIDENTE : Na Câmara dos Deputados, Gleisi Hoffman articula contra Rodrigo Maia e, no Senado, Tasso Jereissati contra Renan… Dois recuos de Jair Bolsonaro: sobre a proposta base usamericana  no Brasil e sobre a TV Estatal….

 

USA : CHINA & BRASIL : A economia mais dinâmica e o regime destinado ao fracasso. Donald Trump abraça o Brasil de Bolsonaro e ataca a economia mais dinâmica, a China de Xi.

James Petras, professor emérito da Binghamton University (NY) e adjunto da Saint Mary’s University (Halifax), escreve: “The US embraces a regime doomed to failure and threatens the world’s most dynamic economy. President Trump has lauded Brazil’s newly elected President Jair Bolsonaro and promises to promote close economic, political, social and cultural ties. In contrast the Trump regime is committed to dismantling China’s growth model, imposing harsh and pervasive sanctions, and promoting the division and fragmentation of greater China.” Apesar da fanfarra momentânea, Donald Trump e sua contrafação tropical vão fracassar e o professor explica porque será esse UM ABRAÇO DE AFOGADOS…. O analista neozelandês Darius Shahtahmasebi mostra os dois lados da questão: que autoridades e a mídia corporativa usamericana espera contar com o Brasil de Bolsonaro na luta comercial contra a China, enquanto a mídia chinesa conta outra prosa. According to the Wall Street Journal (WSJ), the Trump administration has deep plans to enlist Bolsonaro in its efforts to fight a trade war with China; as well as to isolate the Venezuelan government (who surprisingly, have strong ties with both Russia and China to Washington’s detriment). The WSJ explains that this plan to recruit Bolsonaro began during Secretary of State Mike Pompeo’s visit to Brazil to attend Bolsonaro’s inauguration on Tuesday, with China’s ‘predatory trade and lending practices’ featuring highly on the State Department’s agenda. Pompeo himself said that the rise of Bolsonaro created  ‘a truly transformative opportunity’  for the United States and Brazil. According to Pompeo, Brazil had a history of electing presidents that were enemies of the United States and that now ‘it is just the opposite: we are friends.’” DO LADO CHINÊS, TODAVIA, O CASO É DIFERENTE : Chinese media almost immediately got to work to oppose the idea that Bolsonaro will represent the impending doom of China’s expanding influence. The Global Times, a state-run outlet, announced that ‘Bolsonaro said China and Brazil are both great countries and the new government of Brazil attaches great importance to cooperation with China and is willing to push forward bilateral relations.’ Chinese President Xi Jinping sent his special envoy, Ji Bingxuan, to attend the inauguration ceremony in Brasilia. Professor Severino Cabral, chairman of the Brazilian Institute for China and Asia Pacific Studies also told Xinhua that ‘Brazil has great relations with both China and the United States, and that cannot change.’ Cabral explained that China’s imprint inside Brazil is ‘structural,’ and that no ‘Brazilian government would confront either China or the US.’ China, for its part, has expressed its enthusiasm to work closer with its Brazilian counterpart.”… A RETÓRICA DA CAMPANHA FOI PRÓ ESTADOS UNIDOS, PRÓ ISRAEL E ANTI-CHINA : Mas a vida de Bolsonaro como chefe de Estado e de Governo não será tão singela. Bolsonaro é homem simples e antiquado. Seu rico elenco de frases politicamente incorretas não cai bem com o socialismo progressista de europeus e usamericanos. O Brasil é a oitava economia do mundo, a China é sua principal parceira comercial. Existem muitas outras forças em jogo provenientes da multipolaridade geopolítica. Brazil is the world’s eighth largest economy, part of the so-called BRICS economic bloc which also includes Russia, India, China and South Africa. Presently, China is Brazil’s largest trade partner. Trade between the two nations was an estimated $75 billion in 2017, according to Reuters. Last year, trade allegedly surpassed US$100 billion, with Brazilian exports to China sitting at $US 66.6 billion, a rise of over 32 percent from the previous year. Reuters also observed that China has invested over $124 billion in Brazil since 2003, in oil, mining and energy sectors of the economy. ‘If you have a strong China, then you have a stronger Brazil because of commodities, but that depends on forces outside of Bolsonaro’s control,’ Brian Nick, chief investment strategist for Nuveen told Forbes.” (Darius Shahtahmasebi). E Bloomberg está a mostrar hoje mesmo  que, ao investir pesadamente no comércio eletrônico, a China desbanca USAmérica de um setor que dominava no Brasil e no resto da América….

 

TRUMP’S TRAPPED : Bill Bonner….

 

VIKTOR ORBÁN : UM QUE CRESCE NO CONFLITO : Consolidou seu poder na Hungria e volta sua atenção para a União Europeia….

 

A MÍDIA DAS GRANDES CORPORAÇÕES : DE VOLTA À URSS : Como ler o noticiário Ocidental : Os exemplos e recomendações de Patrick Armstrong servem para leitores independentes….

 

SÍRIA : Erdogan rejeita o plano de Bolton : Bolton retruca Erdogan : Erdogan não engole Bolton….

 

Qua. 9

BOLSONARO PRESIDENTE : Há “constrangimento” no Planalto por causa do filho de Mourão… Do salário do filho de Mourão… Da “permanência” no cargo a depender do novo presidente do BB… Da firmeza do novo presidente do BB quando ao cargo que ele deu ao filho de Mourão… Da qualificação e da fofoca sobre o filho segundo o pai… De como todos agora querem ser filhos de Mourão no BB… De como cresce a população de rua no Brasil… Do pedido de socorro a Moro por parte do Espírito Santo e do Pará… De como a criminalidade voa do cabo no Ceará e noutros pontos do Brasil… Da inimputabilidade de Bolsonaro e duma virada na economia vai depender a cruzada contra Caracas, segundo Igor Gielow….

 

ALEXANDRIA OCASIO-CORTEZ : Um perigo, segundo o subjetivista Bill Bonner… O que deve ser feito, segundo o objetivista Richard Wolff….

 

USA & CHINA : MAIS AR NA BOLHA : Depois da conciliação do Banco Central, as ações mais caras fazem subir as referências do mercado… A relação com os Estados Unidos é apenas parte do dilema econômico chinês….

 

2019 : “HORRÍFICO”….

 

Qui. 10

USAMÉRICA : O IMPÉRIO PISCOU VÁRIAS VEZES EM 2018 : Isso fará de 2019 um ano muito perigoso mesmo… A fala irada de Mike Pompeo sobre envolvimento menor dos Estados Unidos no Oriente Médio… SÍRIA : Termina a guerra que nunca deveria ter começado…. A embaixada dos Estados Unidos em Bagdá e a logística secreta do ImpérioTrump recua na sua promessa de retirada e a al-Qaeda avança na Síria sob o olhar da Turquia….